Detido suspeito do incêndio na Sertã

Quase 70 pessoas já foram detidas pela PJ pela prática de crime de incêndio flostal

0 726

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, deteve um homem, reformado, pela presumível prática de um crime de incêndio florestal, ocorrido na passada quinta-feira, dia 17 de agosto, no concelho da Sertã.

Por volta das 13 horas, o suspeito, usando chama direta, colocou um foco de incêndio numa zona de vegetação intensa e seca, que rapidamente alastrou, tendo ardido mais de um hectare povoado de pinheiros e de eucaliptos.

O incêndio teria proporções mais gravosas caso não tivesse havido uma rápida e musculada intervenção de várias corporações de bombeiros e de sapadores florestais, com o apoio de meios aéreos.

A atuação do suspeito colocou em perigo a integridade física e a vida de pessoas, bem como uma grande mancha florestal, zonas agrícolas e habitações, prosseguindo as investigações tendo em vista apurar se ele foi o autor de outros incêndios ocorridos naquela zona, no decurso do corrente ano bem como em anos anteriores.

O detido, de 74 anos de idade, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

No corrente ano a Polícia Judiciária já identificou e deteve 68 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

 

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Loading...